Conheça as entidades participantes do 10° Festival dos Imigrantes

postado em: Festival dos Imigrantes | 0

O Bunkyo Jacareí, representado pelo seu presidente Alberto Ueda, formalizou em uma reunião, o convite para entidades assistenciais e beneficentes de Jacareí para participarem do 10° Festival dos Imigrantes de Jacareí. 

11

São elas:

Bunkyo: A Associação Cultural e Desportiva Nipo-Brasileira de Jacareí é formada por associados com e sem descendência nipônica que visa preservar a cultura tradicional e contemporânea japonesa, ensino do idioma japonês, prática de esportes e outras atividades japonesas.

Casa do Curativo: Centro de apoio para as pessoas portadoras de úlcera da pele que não dispõem de recursos financeiros para arcar com os cursos do tratamento especializado.

Associação Humanitária Amor e Caridade: Presta serviços através de três projetos principais, abrigo de longa permanência para idosos, moradia para idosos a partir de 65 anos e abrigo temporário ao munícipe ou migrante sem residência fixa. A associação ainda se dedica ao Casa Dia, que oferece atendimento ao Idoso durante o período diurno.

Escoteiros Jacareí Doze de Outubro: O Escotismo é um movimento educacional de jovens destinado para os mesmos, sem vínculo a partidos políticos. O voluntariado conta com a colaboração de adultos, e valoriza a participação de pessoas de todas as origens sociais, raças e crenças.

Circolo Italiano: O Circolo Italiano “Leonardo Da Vinci” é uma sociedade civil, de caráter educativo, cultural e social. A entidade tem por objetivo congregar italianos, descendentes e simpatizantes da cultura italiana, divulgar e preservar as raízes histórico-culturais e manter cursos para divulgação e difusão da língua.

Comunidade São Judas Tadeu: Desenvolve trabalho social de acordo com a consciência cristã, visando minimizar o sofrimento de pessoas carentes através de pastorais como a da Criança, da Saúde e da Sociedade de São Vicente de Paulo.

Cruz Vermelha Brasileira – Filial Jacareí: Presente em mais de 185 países e com mais de 174 milhões de voluntários, a Cruz Vermelha Brasileira auxilia os poderes públicos das suas respectivas regiões no campo humanitário, levando adiante um leque de serviços que vão desde a prestação de socorros em casos de tragédias a programas de assistência social e de saúde.

Lar Frederico Ozanan: Contribui para os que vivem em situação de risco social receba ajuda espiritual e material.

Bicho Feliz: Tem como objetivos principais a castração de animais recolhidos das ruas, auxílio a pessoas de baixa renda a fim de que possam castrar seus animais e conscientização da população a respeito da importância da castração e posse responsável.

Mantenedora Vicente Decária: Criada através da parceria entre Poder Público e a Sociedade Civil, visa atender a grande demanda de crianças de 04 meses a 05 anos de idade existente no bairro do Parque Meia Lua.

GAAJ: Grupo de voluntários que luta pelo bem estar dos animais através de ações e campanhas de conscientização.

Veja a galeria de fotos:

Deixe uma resposta